07/10/2015 16h10 - Atualizado em 07/01/2016 17h01 Natal

Grande Natal é eleita a melhor região metropolitana do Nordeste para se viver

Se pra você Natal é uma das melhores cidades do Brasil para se viver, saiba que você não está errado. Segundo pesquisa do Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea), divulgada ontem (5), a região metropolitana de Natal, que compreende 11 municípios, ficou com o título de melhor cidade do Nordeste e a nona melhor do país.

A pesquisa leva em consideração dados demográficos do IBGE coletados entre os anos 2000 e 2010, no que eles chamam de vulnerabilidade social. A vulnerabilidade social leva em consideração a infraestrutura urbana, capital humano, renda e trabalho. Na nova pesquisa, a vulnerabilidade social de Natal caiu 29,6%, de 0.446 para 0.314, a segunda maior queda do país, perdendo apenas para a Região Metropolitana Vale do Rio Cuiabá, no Mato Grosso. Para o índice, o número mais próximo do zero é melhor.

Dentro de cada uma das áreas consideradas para o Índice de Vulnerabilidade Social, vários itens são analisados, entre eles a mortalidade infantil, que em Natal caiu 57,7% nos 10 anos pesquisados, de 40 para 17 mortes para cada grupo de 1000 nascimentos. A pesquisa ainda mostrou que em 2010, a região metropolitana de Natal era 90% urbanizada e que a taxa de crescimento dos 11 municípios foi de 1,86% ao ano, maior que a média nacional de 1,17%.

Dos 11 municípios, o maior Índice de Desenvolvimento Humano (IDH) é da cidade de Parnamirim, seguido de Natal e São Gonçalo do Amarante. Das 16 regiões metropolitanas analisadas nessa pesquisa, que são Belém, Belo Horizonte, Vale do Rio Cuiabá, Curitiba, Região de Desenvolvimento Integrado do Distrito Federal (Ride-DF), Fortaleza, Goiânia, Manaus, Natal, Porto Alegre, Recife, Rio de Janeiro, Salvador, Grande São Luís, São Paulo e Grande Vitória, a que teve o melhor Índice de Vulnerabilidade Social foi Porto Alegre, enquanto o Brasil inteiro passou de uma região de alta vulnerabilidade social no ano 2000, para média vulnerabilidade social em 2010.

Notícias Relacionadas

Oportunidade de empreender

Crescimento e consolidação

ID Jovem, benefício dobrado

Prefeitura: trabalho e obras à vista

Comentários